Como Montar Um Consultório Médico

Como montar um consultório médico? Conquiste em 4 passos sua autonomia profissional!

Muitos profissionais da área da saúde sonham em descobrir como montar um consultório médico com o objetivo de alcançar a autonomia profissional. Entretanto, é sempre um desafio assumir a responsabilidade de ter um empreendimento, mas para que essa etapa da sua jornada profissional seja executada com excelência, nós, da Capital preparamos um passo-a-passo para te auxiliar a finalmente abrir as portas do seu consultório.

Aprenda com esses 4 passos como montar um consultório médico:

1-Estude o mercado

O primeiro passo é estudar a viabilidade do negócio. Por mais que a abertura de um consultório médico seja um desejo seu como profissional da saúde, este deve ser um investimento rentável, para que não acabe unicamente por gerar prejuízos a você.

Podemos subdividir esta primeira etapa em três tópicos:

  • Entenda o seu público-alvo;
  • Escolha o local ideal;
  • Escolha o melhor regime tributário.

Quem é o meu público-alvo?

Comece estudando seu público-alvo, saiba quais as necessidades deles, entenda como seus serviços podem suprir tais necessidades e comunique-se com eles, gerando valor.

Pode parecer fácil falando desta forma, porém, este é um processo de muita pesquisa e testes. A primeiro momento, você deve identificar se o seu negócio é realmente rentável, busque saber qual a demanda para o serviço que você oferece naquela área, e qual a condição financeira de seus potenciais clientes. Analisar a concorrência é um excelente indicativo para quem está começando um negócio.

Qual o melhor local para o meu consultório?

Percebida a necessidade dos seus serviços, agora busque estabelecer o local ideal para o seu consultório. Tratando-se de um empreendimento da área da saúde, é preciso ter cautela com a escolha do local. O estabelecimento precisa ser limpo e organizado.

Atente-se à segurança dos seus pacientes. É importante que o local seja adaptável para as necessidades dos deficientes físicos, esteja devidamente sinalizado contra incêndios e passe conforto aos usuários.

Invista em materiais novos e busque passar autoridade aos seus consumidores, aspectos como a condição dos aparelhos, cadeiras, pintura das paredes, limpeza do ambiente e iluminação do local, são determinantes para o conforto do usuário.

Qual o melhor regime tributário para o meu negócio?

Como toda atividade comercial, você fica obrigado ao recolhimento de impostos. É possível optar entre o Lucro Presumido, Lucro Real ou Simples Nacional.

Dentre os fatores que determinam a melhor opção de regime tributário para o seu consultório, o principal deles é o seu faturamento, por isso, é essencial entrar em contato com um contador para fazer um planejamento financeiro, e desta forma, evitar custos desnecessários pagando impostos mais caros do que deveria.

2-Documentação necessária

Após avaliar e verificar que é possível iniciar um negócio, é hora de legalizar a abertura do seu consultório médico.

Para simplificar um pouco, listamos abaixo os documentos necessários para abertura do seu consultório:

  • Emissão do CNPJ;
  • Alvará da ANVISA;
  • Cadastro Nacional de Estabelecimentos de Saúde — CNES;
  • Registro na Junta Comercial;
  • Alvará da Prefeitura;
  • Contribuição Sindical Patronal;
  • Alvará do Corpo de Bombeiros

Dentre os documentos citados, preste bastante atenção ao Alvará da Anvisa, pois é de extrema importância que seu consultório esteja nos parâmetros de higiene impostos por eles.

3-Controle financeiro

A abertura de um consultório médico já é um processo custoso por si só, agregando a manutenção dos equipamentos e custos fixos, como: água, luz e higiene do local, as despesas só aumentam. Por esse motivo é essencial ter um controle financeiro sólido.

É possível administrar suas finanças com a ajuda de algumas ferramentas próprias para isto, como planilhas ou softwares. No entanto, é mais aconselhável ter um profissional, ou escritório específico para a administração das suas finanças.

De princípio, quando há pouca busca por seus serviços, é mais fácil a gestão, mas conforme a demanda de serviços vai crescendo pode ser determinante ao seu caixa empresarial ter alguém no controle de suas finanças.

4-Gere valor aos seus pacientes

Por último e não menos importante, vamos falar do seu diferencial! Gerar valor aos seus pacientes é o que vai deixar o seu consultório de portas abertas, ainda mais se a presença da concorrência for constante.

Como já citamos, o processo de gerar valor começa pela identificação das necessidades dos seus consumidores, por isso entender os seus consumidores deve ser um procedimento contínuo; busque por feedbacks, tente avaliar possíveis pontos para aprimorar e renove seus processos.

Você deve se comunicar com seus pacientes de forma efetiva, desde o atendimento até a aquisição dos seus serviços, e não para por aí! Seus processos devem ser pensados para que seus consumidores adquiram confiança com o consultório e o recomendem para familiares, amigos e conhecidos.

Mas, repetindo, este é um processo que exige pesquisa e testes, portanto, mensure seus resultados, planeje e saiba como se tornar mais efetivo.

Contudo, se precisar de um aliado para montar um consultório médico, entre em contato com a Capital! Tenha nossa expertise em contabilidade ao seu lado e não preocupe com complicações na hora de finalmente abrir as portas do seu consultório.

Sucesso e até breve!

Agora que você entende melhor sobre este assunto, entre em contato com um dos nossos especialistas!

Falar com um especialista

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *