Sociedade Simples

Contabilidade para Clínicas Médicas

A preocupação com a contabilidade para clínicas médicas começa exatamente no momento em que o profissional ligado à área de saúde pensa em montar uma empresa para esse fim.

Os detalhes são muito importantes para o funcionamento da clínica, situação que exige a contratação de um escritório contábil especializado em contabilidade para clínicas médicas, podendo orientar o profissional em sua nova empreitada.

Desde a abertura, a clínica médica, da mesma forma que qualquer outra empresa, deve enfrentar uma burocracia envolvendo diversos órgãos públicos, tendo a principal diferença de que é necessário comprovar responsabilidade técnica.

Contabilidade para clínicas médicas: tipos de empresa

Na contabilidade para clínicas médicas é preciso avaliar em que tipo de sociedade a empresa pode se enquadrar. Antes de iniciar o processo de abertura da empresa, o contador deve fazer uma análise para encontrar o melhor tipo de sociedade.

No caso de ser uma sociedade constituída por dois ou mais médicos, o tipo de empresa que melhor se enquadra é a sociedade simples, que permite o pagamento de um valor reduzido de ISS trimestral, em pagamentos fixos.

A sociedade simples é constituída por no mínimo duas pessoas, com a pessoa jurídica atendendo todas as atividades de natureza jurídica.

No caso de uma empresa constituída por algum sócio não médico, a empresa deverá ser aberta como sociedade por quotas de responsabilidade limitada e, nesse caso, o pagamento do ISS é calculado sobre o valor total de faturamento mensal, em alíquotas que variam de 2 a 5%, conforme o município.

Uma sociedade empresária é uma empresa que tem como objetivo o lucro. Assim, ao consultar o contador sobre a melhor forma de contabilidade para clínicas médicas, é importante que você tenha simulações sobre os resultados nos diversos tipos de sociedade, podendo escolher a que melhor se enquadra nos seus objetivos.

Contabilidade para clínicas médicas: a questão dos funcionários

Um ponto importante a ser observado com relação à contabilidade para clínicas médicas é a contratação de funcionários e suas respectivas contribuições.

Com relação a empregados, existem tributações diferentes para situações diferentes em caso de pessoa jurídica ou pessoa física. Em sociedades jurídicas, permite-se o recolhimento de contribuições através do Simples Nacional, do Lucro Real ou do Lucro Presumido.

Enquanto no lucro presumido, por exemplo, a contribuição dos empregados pode chegar a 15% sobre a folha de pagamento, para médicos pessoa física, o percentual pode chegar a 27,5%.

Contabilidade para clínicas médicas: obrigações da clínica

Qualquer empresa, atualmente, diante de tantas obrigações para com os órgãos de fiscalização, vê-se obrigada a contratar especialistas contábeis, e no caso de empresas voltadas para a saúde, a contabilidade para clínicas médicas é que pode encontrar os melhores meios de redução de tributos e encargos.

A situação contábil da clínica médica deve ser constantemente avaliada através da organização e da atualização da documentação, dos balanços e demonstrações de resultados, da apuração dos impostos e análise do fluxo de caixa.

      1-Elaboração de demonstrações contábeis

A clínica médica precisa, ao final de cada exercício financeiro, apresentar algumas demonstrações contábeis, que podem variar em função do porte da empresa, do tipo de sociedade escolhida e das atividades por ela exercidas.

Caso a empresa não apresente a demonstração contábil, irá incorrer em diversas penalidades, tornando o custo mais oneroso e podendo gerar multas de altos valores.

      2-Natureza jurídica da clínica médica

Como dissemos anteriormente, o tipo de natureza jurídica escolhido para a clínica médica irá determinar sua tributação no futuro. A clínica médica pode escolher entre sociedade simples, sociedade limitada, empresa individual e EIRELI. Cada um desses tipos apresenta suas vantagens e desvantagens, que devem ser avaliadas junto com um especialista contábil.

Com o apoio de um profissional, o médico irá encontrar o melhor meio de montar sua empresa, garantindo que a contabilidade para clínicas médicas atenda à legislação e propicie o menor valor de recolhimento de tributos.

      3-Cumprir com a legislação

Como todos sabemos, os órgãos fiscalizadores, principalmente a Receita Federal, estão cada vez mais fiscalizando as empresas em todos os segmentos. A abertura e manutenção da clínica médica devem, portanto, atender a todas as obrigações legais, atendendo os mais diversos órgãos.

A clínica médica terá de cumprir obrigações com a Junta Comercial, com o Cartório de Pessoa Jurídica, com a Prefeitura Municipal, com a Receita Federal, com a Previdência Social, com o Conselho Regional de Medicina e com o Sindicato Patronal, entre outros.

Para quem não está habituado com a burocracia exigida, a contabilidade para clínicas médicas pode se tornar um transtorno, exigindo, assim, a presença de profissionais habilitados para esses cuidados.

      4-Planejamento e análise tributária

Entre as obrigações de uma clínica médica, os tributos constituem valores bastante significativos. A contabilidade para clínicas médicas, no entanto, embora não possa isentar a empresa de impostos, pode reduzi-los consideravelmente.

Com um bom planejamento tributário é possível estabelecer critérios de enquadramento da empresa, atendendo a legislação ao mesmo tempo em que também se pode reduzir os valores de impostos, sem desrespeitar a legislação.

      5-Assessoria contábil

A contabilidade para clínicas médicas, muito mais do que a clássica figura do contador, que se limita aos lançamentos contábeis, deve oferecer um serviço mais criterioso, fazendo a assessoria contábil do seu cliente e orientando com relação aos melhores rumos a tomar com a empresa.

Conclusão

A contabilidade para clínicas médicas, portanto, exige a presença de um contador especializado, que possa realizar todos os trâmites burocráticos e oferecer tranquilidade ao profissional médico para que possa fazer sua parte dentro da empresa.

A escolha de um bom profissional, especializado em contabilidade para clínicas médicas, pode ser o grande diferencial para o futuro da empresa.

Até a próxima!

Agora que você entende melhor sobre este assunto, entre em contato com um dos nossos especialistas!

Falar com um especialista

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *