Motivos-do-Fechamento-das-Empresas

4 Principais Motivos do Fechamento das Empresas

Manter um negócio nunca foi fácil, é preciso sempre estar se atualizando no mercado para permanecer nele. Porém, não são todos os empreendedores que conseguem manter suas empresas. Você sabe quais são os principais motivos do fechamento das empresas?

4 Principais Motivos do Fechamento das Empresas

Falta de Conhecimento do Mercado

O motivo mais comum da mortalidade das empresas é o próprio empresário, dono do seu negócio.
Não adianta abrir uma empresa quando não possui nenhum tipo de conhecimento na área, e a falta de conhecimento nessa área contribui muito para o fechamento de várias empresas no Brasil.

Falta de Planejamento

Você pode ter um negócio montado, pode ter capital, mas sem planejamento sua empresa não evolui. Pelo contrario, sua empresa começará a cair.
Ela não terá um publico alvo, não terá controle sobre finanças, organização, estratégias para atrair clientes.
Tudo isso é essencial para o seu negócio!

Gestão Eficiente

O que uma gestão eficiente faz?
Identifica onde precisa ser investido o capital da empresa, sabe onde aplicar metas, sabe de tudo que se passa dentro da empresa.
Não possuindo uma gestão, sua empresa está deficiente.

Problemas pessoais dos Proprietários

Já não é de hoje que se escuta nas empresas “Não misturar pessoal com profissional”, essa frase não seria dita se não viesse de um fundamento.
Salvo que somos seres humanos, sem controle de algumas emoções, mas o equilíbrio mental é importante demais para a saúde da sua empresa, sabia?
Levar seus problemas para o trabalho irá impedir sua visão de empreendedor.

Conjuntura econômica

E vamos ao medo da maioria dos empreendedores, a crise.
A crise tem sido o maior motivo ultimamente do fechamento de muitas empresas. Essas empresas não possuíam planejamento financeiro e acabaram quebrando com essa queda na economia do Brasil.

Não se esqueça do seu planejamento financeiro para que sua empresa cresça saudável, forte suficiente para enfrentar uma crise.

Agora que você entende melhor sobre este assunto, entre em contato com um dos nossos especialistas!

Falar com um especialista

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *