Impostos Para Dentistas

Redução de impostos para dentistas – é possível?

As altas cargas tributárias dificultam o crescimento de um negócio, o que também se aplica a consultórios e profissionais autônomos de odontologia. Sendo assim, é importante buscar as melhores alternativas para garantir a redução de impostos para dentistas, e isso é válido tanto para os profissionais que desejam abrir um consultório, quanto para aqueles que trabalham de forma autônoma.

No artigo de hoje, vamos falar mais sobre o assunto e lhe ajudar com essa questão.

Contudo, cabe salientar que, por se tratar de uma área bastante específica, é imprescindível contar com uma contabilidade para dentistas especializada que lhe auxiliará quanto aos pagamentos corretos, evitando multas e outros imprevistos. Acompanhe.

Formas de tributação para dentistas

A primeira maneira de garantir a redução de impostos para dentistas é estar informado sobre as modalidades de tributação. No entanto, a escolha do modelo ideal dependerá de diversos fatores, tais como despesas, faturamento e folha de pagamento. Veja as principais características de cada uma delas:

Pessoa física ou profissional autônomo

Nessa modalidade, a tributação é feita segundo as alíquotas do Imposto de Renda Pessoa Física, que variam entre 7,5% e 27,5%.

Para isso, deve-se utilizar um livro caixa para abater as despesas dedutíveis e pagar o imposto somente sobre o resultado apurado. Contudo, caso o valor do abatimento seja baixo e a taxa do imposto de renda alta, é recomendado buscar uma consultoria especializada e verificar formas mais satisfatórias de redução de impostos para dentistas.

Pessoa jurídica

A tributação de pessoa jurídica, geralmente, é menor que a de pessoa física, dessa forma, muitos profissionais da área optam por constituir uma empresa, e as principais formas de tributação são o Lucro presumido e o Simples Nacional.

O Lucro presumido tributa a receita presumida a partir da bruta, e é uma opção bastante utilizada. A alíquota é de 16,33% e inclui os impostos relacionados a PIS, COFINS, Contribuição Social e Imposto de renda.

Já no Simples Nacional, a alíquota é aplicada sobre o faturamento bruto. A taxa varia de acordo com a tabela em que o serviço está enquadrado: no ramo odontológico, ela inicia em 16,93% e aumenta de acordo com o faturamento.

Redução de impostos para dentistas a partir de 2018

Algumas modificações no Simples Nacional entrarão em vigor a partir de janeiro de 2018 e permitirão uma maior redução de impostos para dentistas. Isso acontece porque a atividade odontológica será enquadrada no anexo III, que possui alíquotas menores do que o anexo VI, onde constava anteriormente. Dessa forma, a taxa será de 6% para empresas com receita bruta de até R$180 mil. Entretanto, para se beneficiar dessa alíquota, a relação entre a folha de salário e o faturamento deve ser maior que 28%.

De acordo com a Receita Federal, quando o fator “r” — que representa o resultado da divisão da massa salarial pelo faturamento nos últimos 12 meses — for inferior a 28%, a tributação será na forma do anexo V, com taxas a partir de 15,5%.

Para ter uma significativa redução de impostos para dentistas, é preciso comparar as modalidades de tributação e analisar qual delas é mais vantajosa no seu caso, considerando o faturamento anual, a quantidade de funcionários, entre outros fatores.

Você tem mais dúvidas, quer saber mais sobre o assunto, quer reduzir os seus impostos ou procura serviços de contabilidade para dentistas? Entre em contato com a Capital para conhecer as melhores estratégias para o seu negócio e até a próxima.

Muito sucesso e um forte abraço!

Ainda possui alguma dúvida? Que tal entrar em contato com a Capital Contabilidade?

Somos uma Contabilidade em Brasilia, especialistas no seu negócio e poderemos ajudá-lo.

Será um prazer conversar!

Acesse nosso Facebook: @capitalcontabilidadedf

Sucesso e até logo.

Assine nossa newsletter

Receba dicas valiosas para o seu negócio semanalmente!

Agora que você entende melhor sobre este assunto, entre em contato com um dos nossos especialistas!

Falar com um especialista

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *